Bélgica 2016: Vamos, Tesoro! Não se misture com essa gentalha!

abril 9th, 2016 | by Marcos Paulo
Bélgica 2016: Vamos, Tesoro! Não se misture com essa gentalha!
Análises 2016
1

Bélgica no Eurovision

Sério, eu não aguento mais escrever isso! Já fiz 2012 e 2013, daqui a pouco a OGAE belga me chama pra trabalhar… A única coisa que posso dizer de novidade é que 2015 teve Loïc… e que nossas cuecas e calcinhas ainda estão molhadas mesmo um ano depois.

Tá bom, você tá com preguiça de reler minhas análises belgas velhas, né? Pois eu também estou com preguiça de escrever, então vamos de ctrl+c ctrl+v:

Bélgica iniciou sua terrível participação no Eurovision em 1956, ou seja, é um membro fundador no festival. Já esteve no delicioso último lugar oito vezes, mas já ganhou uma vez, com a diabólica Sandra Kim, embora muitos considerem que a Bélgica jamais tenha vencido, já que a satanista Sandra Kim tinha apenas 13 anos de idade, mas dizia na canção que tinha 15, e com isso induziu a EBU ao erro de não perguntar sua idade e colocar no perfil da participante um dado errado, o que fez com que a Suíça pedisse, sem sucesso, a anulação da vitória de Kim. Após 1990 entra em vigor a regra de idade mínima de 16 anos e, com isso, Sandra será para sempre a mais jovem vencedora da história do ESC, provando assim que seu pacto com o demônio assinado ao vivo com o 666 provou-se vantajoso. Quem nunca falsificou um RG pra entrar na The Week, que atire a primeira pedra na Sandra Kim!

A Bélgica é mais conhecida pelo ícone fashion Barbara Dex, a representante de 1993 que, graças ao baixo orçamento, confeccionou seu próprio vestido retrô bege semitransparente, esbanjando sensualidade com um sutiã XL preto por baixo. Seu feito histórico virou a segunda mais importante premiação europeia #not : o aclamado Barbara Dex Awards. O país costuma dar mais pontos para Reino Unido, Alemanha e Irlanda, e costuma receber mais pontos de Países Baixos, França e Portugal.

12802920_933283880111849_489725206573991073_n

 Alguém segura esse táxi!

 

Bélgica em Estocolmo

Se você ainda não odeia Laura Tesoro, vou lhe dar razões para odiá-la:

1) Olha que esperta:

laura1

Ela carrega uma pedra que dá sorte em TODOS os lugares, MENOS no palco onde ela está concorrendo com dezenas de países e sendo vista por toda a Europa.

2) Olha que profunda conhecedora de si própria:

laura2

3) Olha que criativa e persuasiva ao te convencer a votar nela:

Sem mais.

Ficha Técnica

Letra:

Sanne Putseys, Louis Favre, Yannick Werther

Confira a Letra aqui

Composição:

Sanne Putseys, Birsen Uçar

Videoclipe aqui / Ao vivo aqui

 

laura

Analisando a diferentona, a rainha do gingado, a reinventora da black music

Acredito que os belgas devem estar com diabetes e pressão alta, porque definitivamente essa é a entrada mais sem sal e sem açúcar que eles poderiam ter. O conjunto da obra Laura Tesoro é algo entre Nikka Costa e Tim Maia, com alguma música jogada fora do Bruno Mars. A voz dela é boa, claro que é. Mas essa necessidade em ser a princesa de Mônaco, a Miss Simpatia 3, a Hanna Montana da vida real, simplesmente enoja. Muito. Xô!

A letra também é boa, um pouco ordinária e óbvia também, mas qual música eurovisiva não é? Nenhum crime cometido aqui.

Embora o instrumental seja, em essência, muito bem composto, é uma coisa tão batida, arcaica e ordinária que parece cover re-up de algum disco esquecido da Motown.

Contudo, um enche palco agradável, mas esquecível. Melhor passar isso do que mais um comercial da Schwarzkopf.

Déjà Vu

Cantora de boa voz, mas que insistiu em se apresentar como uma guria de 12 anos, tivemos a vencedora Lena Meyer-Landrut. E gente que se acha dona do requebrado, o próximo rei do passinho, temos o inesquecível Kurt Calleja.

Que maravilha! Ao vivo ela não é tão bobinha. A apresentação da final nacional tem um quê do renomado Unplugged MTV da falecida orca Mariah Carey. Até o cabelo é parecido.

Que dureza! Ninguém liga pra Bélgica. Se até com o Loïc Nottet não pegou top 3, se até com Lara Fabian não pegou top 3…

Que dureza 2! Eu meto o pau na criatura, e quando me logo no site pra postar a análise, descubro que daqui há algumas horas sai uma entrevista exclusiva com a garota! putaquepariu

Que dureza 3! A Lara Fabian apenas nasceu na Bélgica! Mas sendo a traidora cretina que ela é, preferiu representar Luxemburgo! E tentou representar a Itália. E tentou carreira nos EUA. E tentou ser atriz na Rússia. Confere então, Diego: Lara ficou em 4º lugar representando Luxemburgo, e perdendo o título de campeã para sua arqui-rival Céline Dion, que venceu representando o Canadá. Serto?

Letra:1/2

Voz: 3/3

Arranjo:1/3

Ao vivo: 1,5/2

NOTA DO AUTOR: 6,5

Ranking ESC12points: 24º lugar

Nota ESC12points: 6,5 (maior nota: Dave, 8; menor nota: Gui, 5,5)

JplywXRhZuEOpa! Errei a análise!

Ele não anda, ele desfila. Cheio de carisma, bom-humor e sensualidade, Marcos é webdesigner, assessor público e trader de importações.

Comments

comments

One Comment

  1. JEFFERSON LAMAS MACARONEL says:

    Olha, como ja falei no comentario do face, se a Laura tenta comprar voto ou é exibida, esse tal de Amir da França ainda é pior nesses requisitos. esse ano o ESC está olhando mais corpo que musica. Ano passado até poderia dizer o mesmo sobre o Mans, mas a musica dele era realmente boa. mas vou deixar para falar isso quando tiver a analise de J’ai Cherche.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *